Menu Fixo

Menu-cat

21 agosto, 2013

Entre Filmes : As Crônicas de Nárnia: A Viagem do Peregrino da Alvorada

Mais uma seleção da filmografia das Crônicas de Nárnia, devo citar esplêndido, este filme nos faz retornar a magia existente em cada parte seja dos filmes ou dos livros. Se você achava que tudo de encantador e surpreendente já havia acontecido nos dois primeiros filmes, a magia volta com tudo neste, é surpreendente e cheio de efeitos que dão aquele toque especial. Entretanto, desde já quero dizer que “O Leão, A Feiticeira e o Guarda- Roupa”, não é a primeira obra das crônicas, mas sim “O Sobrinho do Mago” que não teve uma versão para o cinema, portanto o acesso é garantido somente no livro. Além de que “A Viagem do Peregrino da Alvorada” é o quinto livro da serie.
Em A Viagem do Peregrino da Alvorada bate aquela tristeza por sabermos que só Edmundo e Lucia participam da historia, além do primo, muito chato no inicio da trama, Eustáquio Mísero. Ao observarem o quadro de mar do quarto onde estão hospedados, Lucia e Edmundo percebem a semelhança deste com os mares com os de Nárnia, e é ai que as aventuras se iniciam.
Misteriosamente eles vão á Nárnia, sem serem chamados por nenhum animal, e junto de seu primo. Lá encontram com o navio Peregrino da Alvorada, que esta sendo comandado por Caspian, que já tinha se tornado rei de Nárnia. A missão principal é encontrar os sete fidalgos que tinham espadas muito antigas de Nárnia, mas foram banidos por Miraz, a fim de coloca-las na mesa de Aslam e terminar com o mal.
A partir disto a aventura começa, eles visitam ilhas, cidades perdidas e praias desertas e coberta de mistérios. O que mais me chamou atenção foi à mensagem muito fixa que o filme traz sobre reconhecimento do próprio eu, há um momento Lucia deseja ser bela como Suzana, sua irmã, entretanto  ela se vê enfrente ao espelho e percebe o quanto seria ruim ser como Susana e vê que ela é especial por aquilo que ela é, e há também um momento que ela fixa isto ao falar com a filha do marinheiro. Essa mensagem é enfatizada também quando ocorre uma transformação com Eustáquio, que precisa ver o seu valor de acordo com as escolhas que ele fez.
Outra mensagem legal é quando todos que viajam no navio têm que enfrentar seus medos mais sombrios para conseguir realizar a missão que foi determinada. Edmundo ainda persiste em temer a feiticeira e Caspian, o receio com sua família.
Enfim o filme é realmente muito bom e emocionante, não há como não perceber a intenção principal da historia, não só deste filme, mas de todos. Alias, nunca comparando livro com filme, pois sempre há divergências entre um e outro, não deixe de conferir a obra completa.
Só há quatro filmes, mas as crônicas totalizam um total de sete livros: O Sobrinho do Mago, O Leão, A Feiticeira e o Guarda-Roupa, O Cavalo e seu Menino, Príncipe Caspian, A Viagem do Peregrino da Alvorada, A Cadeira de Prata e A Ultima Batalha.
Todos eles muito bons e realmente consegue despertar aquele sentimento ou pensamento mais oculto de cada um, todos eles carregam uma gama de mensagens em suas entrelinhas, que nos faz realmente ter uma boa reflexão de cada coisinha que é mostrado, portanto não deixe de se deliciar tanto com os filmes, tanto com os livros garanto que não vai se decepcionar!

“Não Fuja de quem você é” A Viagem do Peregrino da Alvorada

“Para derrotar as trevas, precisam derrotar as trevas dentro de vocês” A Viagem do Peregrino da Alvorada

Nenhum comentário:

Postar um comentário