Menu Fixo

Menu-cat

11 outubro, 2015

ESPECIAL – Máquina do Tempo ( Desenhos)

Olá eleanáticos!!!

Vocês acharam mesmo que o “ELEA” iria ficar de fora desse clima infantil que se aproxima com o Dia das Crianças? A Equipe está preparando alguns especiais para esse mês comemorativo das crianças. Só para adiantar uma novidade vem aí: “ESTRELINHAS E AFINS”, fiquem de olho no blog.






Mas, hoje estou aqui para falar do meu DESENHO PREFERIDO. Quando falamos de desenhos é obvio que automaticamente lembramos de nossa infância não é? A melhoooor fase de nossas vidas em que a única preocupação é qual lápis de cor usar na tarefa de casa da escola, rs. Aproveitando o momento para levantar a campanha: #VOLTATVGLOBINHO.  Gente, eu amava TV Globinho ( eu e quase todas as pessoas de minha idade) eu acordava e já iria direto pra sala. Além de ser viciado em desenhos, eu também amava “Bambuluá”, uma série infantil protagonizada pela Angélica.


Chega de blábláblá meu desenho preferido sempre foi “Digimon”, caracaaaa quem não se lembra da musiquinha “ Digimon, Digitais, Digimon, são campeões”, que nostalgia. Embora, muitos fãs reclamam da versão cantada pela atriz/ apresentadora eu sempre gostei da música chiclete. Acho que o Digimon é meu desenho preferido por conta dos personagens, os digiescolhidos, os sete/ oito personagens que vão para o digimundo viver altas aventuras. Neste desenho qualquer um pode se identificar com os personagens, pois tinha o “Matt” que era marrento; o “TK”, o fofo; Izzy, o nerd; a “Sora”, corajosa e minha preferida a Mimi, uma  mistura de patricinha com atrapalhada. Amava os episódios que a Mimi protagonizava, além da dobradinha com “Palmon” ( sua Digimon) que era o oposto da humana.




( Mimi, sendo "diva" e fofa em todos os momentos). 

Falando em digimons, não é atoa que eles intitulam o desenho, os monstrinhos digitais que protagonizam as melhores cenas do desenho desde as batalhas até as digievoluções, momento na qual o Digimon se transformava para uma fase superior, consequentemente mais forte.


 O digimundo era um mundo na qual todas as crianças de minha idade ( na época, 10 anos) queriam viver ou se teletransportar. Apesar de ter outras temporadas, Digimon Adventure 01 continua sendo meu favorito. Ah, não posso esquecer de falar dos vilões que eram “bizarros” e também do episodio final, na qual Palmon não aceita se despedir de Mimi, e quando o trem parte com os digiescolhidos a mesma sai correndo para tentar um último “adeus”. Momento de emoção!



Muito bom relembrar esse momento que marcou minha infância. Em breve iremos fazer um especial: “Máquina no Tempo”, para comentarmos de tudo que assistíamos de bom.  Abaixo, algumas fotos dos digiescolhidos para vocês matarem as saudades. Aproveitem e comentem: qual era o seu digiescolhido preferido?

Nenhum comentário:

Postar um comentário