Menu Fixo

Menu-cat

31 maio, 2018

A Bienal Rubem Braga dos meus sonhos


Olá, eleanáticos.


                Olha, o mês de maio foi bem agitado para nós, aqui do ELEA. Afinal, tivemos a linda e fenomenal  7ª Bienal Rubem Braga, realizada aqui em Cachu City. O evento foi bem elogiado e em alguns aspectos surpreendeu, ainda por cima terminou com o um show maravilindo do Teatro Mágico. Gente, que show gostoso tá! Porém, mesmo com um evento tão bacana, nós, apoiadores de cultura e literatura, sempre temos nossas expectativas em relação a esses eventos. Enfim, resolvi criar uma PROGRAMAÇÃO DOS SONHOS, caso a Bienal fosse hoje. Na verdade essa matéria era para ser postada antes do evento, mas não importa a ordem, e sim que ele fique boa. Falando nisso, eu já fiz algo parecido com um post AQUI em 2016.



Vamos pra lista?

QUESITO LITERARIEDADE MODERNA

                Braulio Bessa ele é o cara. Gente, queria tanto ele numa Bienal aqui. Acho monstruoso a forma de que ele tem de nos tocar com seus repentes literários. Pra quem não sabe ele é escritor do “Poesia com Rapadura” – que eu tenho, tá! E ficou conhecido nacionalmente pelo programa “Encontro”, da Fátima da Bernardes, no qual ele participa semanalmente. Acho muito bacana como Braulio resignificou a arte de fazer poesia, pois ele imprime a poesia de um modo muito concreto, que faz com que as pessoas fiquem encantadas por suas palavras. Viva, a literatura de Cordel!


                                    

                Seria interessante trazer esses poetas do instagram, com seus textinhos poéticos deliciosos que o povo vive repostando e curtindo sem nem se saber consome algo que é literário. Se Pedro, do “Um cartão” veio em Cachoeiro, por que não trazer o maravilhoso João Doederlein, conhecido popularmente como “Akapoeta”. Gente, ele é maravilhoso né? Ele coloca no papel assunto tão universais de uma forma subjetiva tão macia e doce, ele consegue resignificar os verbetes de uma forma apaixonante. Sou fã dele!




             Esses dois com certeza proporcionariam uma mesa bem inteligente e por cima lotadaaaaaaaaa, rs.

QUESITO ESCRITORES

                Ah, tem um autor que eu gosto bastante e ele anda viajando o Brasil nesses eventos literários, que tal trazer Vinícius Grossos? Ah, gente ele é bem fofo ( pelo menos parece pelos stories dele), rs. Vinícius que estreou com “Sereia Negra”, é autor de “O garoto quase atropelado”, “ 1 +1  - A matemática do amor” e o mais recente “O verão em que tudo mudou”, num projeto com outras duas autoras maravilhosas. Acompanho o trabalho dele pela internet e acho seu trabalho de escrita genial. Por tratar de personagens homossexuais, Vini levanta bandeira e coloca o romance gay num patamar de destaque. Ah, eu ainda estou lendo o livro dele, que por sinal eu amor essa capa. Olha, além de ser ruivo ( bem tendência), ele é taurino, igual eu, rs. NÃO TEM COMO NÃO AMAR, NÉ?


( Vini seu maravilhoso!

                Outra que gosto bastante é a linda da Ana Beatriz Brandão, embora eu não tenha lido nenhum livro dela ainda, eu acompanho o trabalho dela pelo instagram. Ana é autora do “A garota das sapatilhas brancas”, mas foi com “Sombra de Um Anjo” que sua vida de escritora deslanchou. Ana está na minha lista, pois é um autora jovem e nacional, na qual eu gostaria de conhecer muito, tanto ela, quanto seu trabalho literário.



QUESITO MUSICAL

                Tudo bem que o show da turma do Teatro Mágico foi ótimo, mas a minha aposta seria duas atrações bem legais. Para abrir o evento literário, colocaria um show da linda e talentosa Mariana Coelho. Sim gente, ela mesma a Mari, do The Voice Brasil, do time do Lulu Santos. A Mari que é de Vila Velha é uma cantora muito versátil, além de embalar os visitantes do evento traria muita representatividade por também ser capixaba. A cantora, de 18 anos, lançou recentemente a canção “"Alguém", e pelo que parece que ela gravará com Júnior, da Sandy (rs), isso mesmo queridos, LEIA AQUI se quiser saber da novidade.




( Bem musa, né?) 


                Já para encerrar, um evento tão perfeito como esses, só poderíamos ter a ilustre presença do maravilhoso, Jão. Isso mesmo, Jão – não João, rs. É um cantor mega fofo, de 23 anos, que ficou conhecido por fazer uns vídeos de cover´s no youtube.  


( Ele merece todo sucesso do mundo) 


( Sou muito fã mesmo <3) 

                Dono do hit “Imaturo” ( que é a música chiclete do momento; que não sai da minha play list muito menos da minha cabeça), Jão ganhou recentemente o prêmio no MTV MIAW, na categoria #Prestatenção, no qual premia revelações no âmbito musical. Ah, essa semana ele lançou o projeto “Primeiro Acústico”, com interpretações de seus singles, já conhecidos. ( que performances, tá) Gente, ele é maravilhoso, o  clipe da música dele é incrível, e eu estou louco que ele passar aqui no Espírito Santo. Ele é muito DIVOOOO!

***
                Essa foi uma listinha bem simples HAHAHAH que eu adoraria vê-los por aqui. É claro,que seria quase impossível trazê-los para cá, mas não custa sonhar né? Sonhar é bom demais. Que venha a 8ª Bienal Rubem Braga, lá em 2020, vamos torcer para ser tão boa, quanta essa última.

                Abraceijos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário